Última modificação por Luis Baronceli, em 23/01/2020.

Imagem: Reprodução / Pexels

Como funciona o câmbio?

O câmbio é a troca da moeda de um país pela moeda de outro país, o que parece ser algo super simples a primeira vista, mas quando pensamos em como determinam o quanto vale uma moeda ou sobre como se relacionam as politicas cambiais de um país com as de outro, chegamos a conclusão de que conversão de moeda não está nem perto de ser um assunto simples.

Por essa razão que vamos falar aqui do que importa de verdade, como economizar seu dinheiro e diminuir suas perdas quando chegar a sua vez de fazer o câmbio.

Taxa de câmbio?

Esse é um dos valores que você deve ficar de olho quando está se planejando para fazer a conversão. A taxa de câmbio é o que nos fala o quanto uma moeda vale em relação à outra, quantos reais vale um dólar neozelandês, por exemplo. Pra trocar real por dólar a regra é, quanto mais forte estiver o dólar neozelandês, pior vai ser pro nosso bolso. Esse é um dos motivos pelos quais o quando fazer o câmbio é importantíssimo.

Você também deve ficar de olho na taxa da casa de câmbio, que é o valor adicional que se paga para ter o dinheiro convertido, essa taxa somada ao IOF e à cotação do dólar no dia dá o valor que você vai pagar no final. Cada casa de câmbio tem um valor de taxa um pouco diferente, então se você pretende trocar o dinheiro no Brasil, compensa dar uma boa investigada nas taxas das casas de câmbio pra pagar o menos possível.

O que é o IOF?

A parte que nos importa do imposto sobre operações financeiras (IOF) é que ele inside sobre câmbio e compras no cartão de crédito no exterior, e que para câmbio no território nacional ele é muuuito menor do que para compras no cartão de crédito no exterior.

Usar o cartão de crédito é uma boa opção?

Tanto o cartão de crédito quanto o cartão de débito pré-pago são opções que se destacam pela comodidade e conveniência que trazem, mas isso vem com um preço, o IOF que se paga com a conversão. Então se o que a gente quer é economizar, essa não é a melhor alternativa.

O que fazer para perder o mínimo possível de dinheiro na conversão de moeda?

Para fazer a conversão da melhor forma possível para o nosso bolso, primeiro devemos pensar sobre onde fazer a conversão, quando fazer a conversão e quanto dinheiro vamos converter.

Onde eu devo fazer a conversão da moeda?

Primeiro devemos falar onde você não deve fazer o câmbio da moeda, no Aeroporto. A conveniência que vem com trocar o dinheiro no Aeroporto traz consigo uma taxa geralmente muito mais alta do que as das casas de câmbio, o que torna a troca no Aeroporto uma opção pouco atrativa para quem está tentando economizar na conversão.

Se você esta querendo poupar o máximo possível, sem sombra de dúvidas uma das suas melhores opções é o Transferwise, que é um site/aplicativo que te permite transferir dinheiro entre contas que estão em países diferentes, a taxa de conversão geralmente é muito menor que as dos bancos e das casas de câmbio e quanto mais dinheiro for convertido, menor será a porcentagem de taxa que você vai pagar.

Quanto dinheiro eu vou converter?

Saber a quantidade de dinheiro que deve ser convertida é uma etapa importantíssima para economizar no câmbio. Se seu objetivo é fazer o câmbio no Transferwise por exemplo, quanto mais dinheiro você transferir, menos taxa você vai pagar, mas dai surge um problema, se sua intensão é passar férias na Nova Zelândia, todo o dinheiro que sobrar precisará ser convertido em reais novamente, o que significa mais um câmbio e portanto mais uma vez pagar a bendita taxa de conversão.

Quer mais conteúdo? Inscreva-se gratuitamente.

Junte-se à nós no Whatsapp.

Junte-se à nós no Facebook.

Seja um assinante premium.

Este post foi patrocinado por:

Posts Recentes

Como economizar no câmbio?

2 ideias sobre “Como economizar no câmbio?

  • 23/01/2020 em 1:54 pm
    Permalink

    Boa dica e ótimas explicações.
    Eu adicionaria o limite de transferências no transfer wise, que limita atualmente 9.000 reais por transação. Ou seja, se precisar mais tem que pagar uma nova taxa em outra transação.
    Abraço e sucesso.

    Resposta
    • 27/01/2020 em 10:02 am
      Permalink

      Bom dia Rodrigo, muito obrigado pelo comentário, nós vamos adicionar a informação no post, agradecemos o seu input.

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Chinese (Simplified)EnglishFrenchGermanItalianJapaneseKoreanPortugueseSpanish